Grupo André Vivante

O Grupo André Vivante foi fundado em 1992, em homenagem ao maestro veneziano André Vivante, falecido no Rio de Janeiro em 1995.

Izabel Vivante é a responsável pelo repertório, preparação musical e regência do grupo, tendo se formado em piano e canto, diplomada em interpretação lírica pela Escola Lírico Carmem Gomes do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, cursou o Conservatório Nacional de Teatro no Curso de Formação de Atores.

Exerceu o magistério da música, do nível básico ao superior. Como cantora Lírica, estreou no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, 1974, na ópera Madame Butterfly. Em 1976, transferiu-se para Alemanha, onde exerceu atividade concertística. Em 1979, fixou-se na Itália, estreando na ópera Rigoletto, em Veneza. Em 1987, participou da temporada lírica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, na ópera “O Navio Fantasma”.

Atualmente, continua exercendo sua atividade artística e profissional de cantora lírica, tanto no Brasil como na Itália.

Como regente do Grupo André Vivante, entre as apresentações do Grupo, destacam-se: Offenbach - Lês Contes D"Hoffmam; Rossini – Petite Messe Solennelle; Händel – The Messiah; Vivaldi – Glória; Gounod – Messe Solennelle St. Cecília (primeira apresentação integral no Brasil), bem como, inúmeros espetáculos de música sacra e operistica.