Prague Chamber Choir

Formado em 1990 por cantores de coro excepcionais, o Prague Chamber Choir (Coral de Câmara de Praga) rapidamente destacou-se como um dos melhores conjuntos vocais do Leste Europeu. Desde então, participa dos maiores e mais concorridos festivais e temporadas de música no mundo, onde podemos destacar: Schleswig Holstein Music Festival, Hamburg and Stuttgart Music Festival, Ludwigsburger Festspiele, Festival van Vlaandern, Strasbourg Festival, Prague Spring, Vienna Spring Festival, Rossini Opera Festival Pesaro e Wratislavia Cantans.

O Coral tem realizado turnês de muito sucesso junto ao público e crítica em vários países como: Alemanha, Áustria, Itália, Espanha, França, Suíça, Bélgica, Luxemburgo, Polônia, Eslovênia, Grécia, Israel, Austrália, Japão, Irlanda, Croácia, Finlândia e Líbano. Suas apresentações foram registradas pelas gravadoras BBC de Londres, ORF, Südfunk, Norddeutscher Rundfunk e Bayerisher Rundfunk.

O Coral tem trabalhado com as mais importantes orquestras como, Czech Philharmonic, Prague Symphony Orchestra, Israel Philharmonic Orchestra, Radio Symphony Orchestra Stuttgart, Bruckner Orchestra Linz, Zagreb Philharmonic, Orchestra della Toscana Firenze, Orchestra A. Toscanini Parma, NDR Hamburg and Bamberg Symphony Orchestra, Stuttgart Chamber Orchestra, Prague Chamber Orchestra, Virtuosi di Praga, Israel Chamber Orchestra e Zurich Chamber Orchestra; e com os mais variados maestros, como, Zubin Mehta, Christoph Eschenbach, Gerd Albrecht, Neville Marriner, Kent Nagano, Zoltan Pesko, Vladimir Ashkenazy, Peter Schreier, Georges Pretre, Roger Norrington, Gianluigi Gelmetti, Claus Peter Flor, Gabriele Ferro, Leonard Slatkin, Tadeusz Strugala, Andras Ligeti, entre outros.

O grupo gravou vários CDs para os selos ECM, Orfeo, Discover, Chandos, Hänssler, Pony Canyon e Ricordi, como a Sinfonia no. 3 de Mahler, regida por Václav Neumann, ”Paulus” de Mendelsohn por Helmut Rilling, composições de Pergolesi com a Stuttgart Chamber Orchestra, ”Osud” de Janácek, ”Armida” de Dvorák, com a Czech Philharmonic e dirigidapor Gerd Albrecht.

O Coral participou de concertos memoráveis em Hamburgo na Alemanha, como as apresentações da Ópera ”Sansão e Dalila” de Sains-Saëns com o tenor Placido Domingo, no Festival de Salzburg com a Missa em Dó menor de Mozart sob a batuta de Peter Schreier e no Festival de Viena 2000, cantando a Missa de Bach com o mesmo regente e os concertos no Japão com a Czech Philharmonic regida por Vladimir Ashkenazy.

Dezembro de 2005.