Capela Ultramarina

A apela Ultramarina foi criada em 1999 com o objetivo de pesquisar e interpretar a música Ibérica e brasileira do passado, motivado pelas comemorações relativas aos 500 anos do descobrimento do Brasil.

Em 2000 o conjunto apresentou-se com o programa Cantigas e Vilancetes portugueses à época do descobrimento em diversas cidades brasileiras.

Enfatizando o seu caráter de pesquisa musicológica, a Capela Ultramarina apresentou-se em 2001 dentro das programações culturais do XXI simpósio nacional da Associação Nacional de História – ANPUH, realizado na Universidade Federal Fluminense em Niterói, RJ.

Em 2004 apresentou o programa “Vilancicos y Ensaladas”, com composições portuguesas e espanholas destinadas à época do Natal. Dirigida por Fábio Vianna Peres, reúne em seus concertos cantores e instrumentistas com ampla experiência no campo da interpretação histórica da música do passado.

Integrantes: Juliana Parra, André Tavares, Fabio Vianna Peres – vozes; Marília Macedo – flautas-doce; Guilherme de Camargo – guitarras renascentista e barroca.

Abril de 2006.