Orquestra de Câmara Rio Strings

A Orquestra de Câmara Rio Strings é a continuação de um antigo sonho do violoncelista David Chew, o mais carioca dos músicos ingleses, apaixonado pelo Brasil e pela música deste país.

Consciente do papel que a música tem no desenvolvimento da sociedade e especialmente dos jovens, David tem procurado sempre promover o intercâmbio e a quebra de barreiras entre os diversos gêneros musicais e as mais variadas platéias, tornando-a mais acessível.

Com esta filosofia, apoiado por amigos e colaboradores eventuais, fundou grupos como o Rio Cello Ensemble e a Orquestra Brasil Consort, além do Encontro Internacional de Violoncelos.

Há um ano fundou, ao lado do produtor André Oliveira e de seus colegas do Quarteto de Cordas da UFF, a Orquestra de Câmara Rio Strings, que se dedica ao vasto repertório orquestral para pequenos grupos de cordas, incluindo a música popular. Foram então convidados a integrá-la alguns dos mais talentosos membros da Orquestra Sinfônica Brasileira, da Orquestra Sinfônica Petrobrás Pró-Música e da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, e também Daniel Guedes, um dos maiores talentos do violino já surgidos no Brasil.

O CD que a orquestra acaba de gravar será lançado em dezembro em Parati, no dia 14 e no Rio de Janeiro no dia 17, num concerto no Salão Nobre do Centro Cultural da Justiça Federal.