OSB Jovem

A OSB Jovem foi fundada em fins de 1999, por iniciativa do Maestro Yeruham Scharovsky, como um dos projetos criados pela nova Direção Artística da Orquestra Sinfônica Brasileira.

Composta por 70 músicos, com idades entre 12 e 25 anos, quer estabelecer um marco sinfônico educacional a jovens músicos do Esado do Rio, oferecendo a oportunidade de adquirir a experiência necessária para sua formação profissional.

Seus músicos têm a oportunidade de conhecer diferentes concepções artísticas e trabalhar sob a regência e orientação de destacados músicos, parte deles de prestígio internacional, como os maestros Mendi Rodan e Philip Bender. Além disso, trabalham também sob a monitoria de renomados professores da OSB e têm em André Góes seu maestro preparador.

A experiência do maestro Yeruham Scharovsky como diretor do Conservatório de Música Kfar Saba, em Israel, onde orienta 3 mil alunos, estimulou-o a criar a OSB Jovem. Criando programas de estágios – cinco membros da jovem foram escolhidos em 2001 para atuar em concertos que a OSB titular realiza pelo interior do estado - a OSB Jovem de hoje atua como uma escola prática para quem quer se profissionalizar.

Em 2000, Rúbia Mara, membro fundador da OSB Jovem, prestou concurso para o naipe de violas e ganhou uma vaga para a orquestra mãe. Dois processos seletivos já foram promovidos, resultando na ampliação do número de músicos da jovem formação.