Escolhendo a Placa de Som

Como falamos anteriormente, o grande vilão da conversão de vinil para CD é o ruído. Por isso, iremos explicar a você como escolher corretamente os componentes envolvidos no processo de conversão de modo a obter o menor nível de ruído possível. Iniciaremos falando sobre a placa de som, que você já pode ter instalada em seu micro, especialmente nos dias de hoje em que a maioria dos computadores já vem com som on-board.

Apenas ter uma placa de som instalada no micro não é o suficiente. Você precisará conhecer a quantidade de ruído que ela produz e talvez tenha de instalar uma placa de melhor qualidade para obter melhores resultados.

Para que você tenha uma idéia do que estamos falando, as antigas placas de som ISA normalmente têm uma relação sinal/ruído de 80 dB. Já as placas de som PCI mais simples (incluindo aí as placas de som on-board) normalmente têm uma relação sinal/ruído de 90 dB. Placas de som profissionais começam em 98 dB.

Por isso, recomendamos que você utilize uma placa de som com uma relação sinal/ruído de pelo menos 90 dB. Se a sua placa de som for PCI, ela provavelmente terá relação sinal/ruído de 90 dB. Caso sua placa de som seja on-board, a relação sinal/ruído utilizada dependerá o chipset, como explicaremos mais adiante. Se você tiver uma antiga placa de som ISA, troque-a. Mas sinceramente, a melhor opção é se você puder comprar uma placa de som com uma relação sinal/ruído de pelo menos 95 dB para obter melhores resultados. A Sound Blaster Live!, por exemplo, tem uma relação sinal/ruído de 96 dB.

Mas onde você pode obter essas informações? Lendo as especificações da sua placa de som que podem ser encontradas em seu manual, no site do fabricante ou no site do fabricante do chip de áudio. Se a sua placa de som for on-board, você poderá ler nosso tutorial chamado Características de Placas de Som On-Board. Lá você encontrará uma extensa tabela com a relação sinal/ruído dos chips mais comuns usados em placas-mãe com som on-board. Como você pode ver na tabela, existem alguns chips de áudio on-board que têm uma relação sinal/ruído maior do que 100 db, o que é muito bom! Mas preste atenção pois existem chips de áudio on-board que possuem uma relação sinal/ruído inferior a 70 db, o que é uma péssima relação sinal/ruído, já que você terá muito ruído em suas gravações. Portanto, a qualidade do áudio on-board depende do chip utilizado.