Gravando o LP

Finalmente chegou a hora de gravarmos os nossos discos de vinil no disco rígido do micro. O processo se resume ao seguinte:

Gravar o LP em formato Wav;

Editar o arquivo gerado para normalizar seu nível de volume;

Editar o arquivo gerado de forma a eliminarmos os ruídos inerentes aos discos de vinil;

Gravar os arquivos Wav em um CD, no formato CD-DA (CD de áudio), fazendo com que o CD possa ser tocado em qualquer aparelho de CD.

Para a gravação, você precisará usar um programa de gravação de arquivos Wav. No mercado existem inúmeros programas e você pode até mesmo usar o programa que acompanha a sua placa de som. Caso você não tenha um programa desse tipo, você pode fazer uma procura em:

http://www.shareware.com  por "wav editor" e você encontrará vários de programas desse tipo. Nós particularmente recomendamos o Cool Edit (http://www.syntrillium.com) e o Sound Forge (http://www.sonicfoundry.com), que são os mais usados por profissionais do ramo.

Após ter instalado o programa de gravação Wav em sua máquina, o restante do processo é relativamente simples.

O primeiro passo que você deverá dar é configurar o mixer do micro. O mixer é acessado dando um duplo clique sobre o ícone do alto-falante existente na barra de tarefas (canto inferior direito). Existem duas telas de configuração que você precisará mexer. Primeiro, a configuração dos controles de reprodução. Para isso, selecione a opção Propriedades do menu Opções. Na tela que aparecerá, selecione "Reprodução" no campo "Ajustar volume para" e marque todas as caixas existentes no campo "Mostrar os seguintes controles de volume". Isso fará com que todos os controles de volume existentes em sua placa de som sejam mostrados. O mixer será mostrado com todos os ajustes de nível de volume para reprodução. Você deverá marcar a caixa "Sem áudio" para todas as entradas que não serão utilizadas: Microfone, Auxiliar, Modem, Vídeo, Sintetizador, CD, etc. As entradas Controle de Volume, Linha e Onda são as únicas que deverão permanecer desmarcadas, para que você possa escutar o seu trabalho durante o processo de gravação e edição.

Em seguida, configure qual entrada será usada para gravar o arquivo Wav. Para isso, selecione a opção Propriedades do menu Opções do mixer. Na tela que aparecerá, selecione "Gravação" no campo "Ajustar volume para". Em seguida aparecerá um mixer igual ao anterior, porém dessa vez você está ajustando qual entrada será usada para gravar. Selecione Linha (marcando a caixa "Selecionar" existente). O controle de volume Linha controla o nível do volume do toca-discos. Recomendamos que ele fique ajustado no meio.

Após ter configurado o mixer, basta você escolher a opção Rec (Record Sound ou similar) no programa, clicar no ícone que indica início de gravação e colocar o lado A do LP para tocar. Mas antes, você deverá verificar o nível de gravação, para que o som não fique nem baixo demais nem alto demais (o que acarreta em distorção sonora). Essa verificação varia de programa para programa. No Sound Forge, isso ocorre de maneira automática: você clica para gravar e aparece uma janela contendo barras indicadoras verticais do nível de gravação. Basta colocar o disco para tocar lá pelo meio dele e ajustar o controle de volume de Linha (na configuração de gravação do mixer, o tal controle que recomendamos que ficasse no meio de seu curso). O ideal é ajustar esse controle de modo que o áudio fique na média batendo na faixa de -3 dB do gráfico, com picos máximos de 0 dB. Obviamente esse ajuste não é tão simples.

Mas, para a nossa sorte, a maioria dos programas editores de Wav possuem uma função chamada Normalize, que analisa o áudio gravado e ajusta o volume do arquivo adequadamente. Ou seja, com o ajuste que recomendamos (controle do mixer posicionado no meio), o som será gravado com volume abaixo do recomendado, e depois iremos, através do programa editor, corrigir o volume do arquivo. Nossa recomendação é que você grave sempre com um nível abaixo (e nunca acima) e depois corrija o volume com a função Normalize do editor.

Após ter ajustado corretamente o nível de volume de gravação, coloque o lado A do LP para gravar. Quando o lado A terminar, clique no ícone de parar gravação (stop). Ao final da gravação você deverá estar vendo na tela uma forma de onda. Caso isso não ocorra, reveja o processo, principalmente a configuração do mixer. Em seguida, você deverá gravar o lado B do LP. Recomendamos que isso seja feito no mesmo arquivo Wav, ao final. Isto é, grave o lado B ao final do lado A, de modo que todas as músicas fiquem gravadas em um mesmo arquivo. Para isso, basta clicar sobre a onda na tela e pressionar as teclas Control e End. Em seguida, coloque o programa para gravar novamente.

O ideal é sempre você começar a gravar um pouco antes e terminar de gravar um pouco depois das músicas do LP. Isso fará com que você não perca nenhum pedaço das músicas. Depois, dentro do próprio editor de Wav, nós cortaremos esses pedaços não desejados.

Salve o seu arquivo através da opção Save do seu editor. Pronto, o seu disco de vinil foi totalmente convertido para um arquivo Wav.

O próximo passo é corrigir o volume do arquivo através da função Normalize do editor de Wav. No Sound Forge essa função está no menu Process. Essa função analisa o arquivo e pega os picos dele e os "estica" (se você gravou o som com volume mais baixo, como recomendamos), fazendo com que o pico máximo fique em 0 dB. Isso fará com que o volume das músicas fique no mesmo nível dos CDs gravados comercialmente. Não se esqueça de salvar o arquivo após aplicar essa função.

Após o áudio estar em seu nível correto de volume, você deverá aplicar filtros para apagar os ruídos inerentes aos discos de vinil. Os ruídos podem ser classificados em basicamente dois tipos: o chiado de fundo e estalos. Existem no mercado vários programas para eliminar esses tipos de ruído, como o DC Art (http://www.diamondcut.com). Se você usa o Sound Forge (ou outro programa que aceite os filtros do Sound Forge), poderá usar um pacote de filtros chamado Noise Reduction. Há vários sharewares com essa mesma finalidade (entre em http://www.shareware.com e faça uma procura por "noise reduction" para conhecer vários programas desse tipo), como o DePopper (http://www.droidinfo.com). O DePopper ainda tem como facilidade ter embutido a opção Normalize, fazendo todo o processo de normalizar o som e eliminar ruídos automaticamente.

Como a maioria das pessoas que lida com informática já deve saber, a escolha de um programa é puro gosto pessoal. Nós daremos nossos exemplos usando o programa Sound Forge com o pacote de filtros Noise Reduction instalado apenas por uma questão de comodidade, já que esse programa é um dos mais famosos na área de edição de áudio. Isso não quer dizer, em hipótese alguma, que não existam no mercado programas tão bons quanto ele.

No Sound Forge com o Noise Reduction instalado, escolha a opção Sonic Foundry Noise Reduction do menu DirectX. Na janela que abrirá, você poderá clicar na caixa Preview para escutar como o som ficará depois de você aplicar o filtro. Devemos ter muito cuidado no uso de filtros, pois eles poderão, além de eliminar ruídos, eliminar parte da música, tornando o resultado final muito ruim. Daí a importância da função Preview, para você escutar se o filtro funcionará a contento ou não. Em muitos casos, o som ficará abafado ou "metálico". Como você poderá ver, esse filtro permite inúmeros ajustes e eventualmente o ajuste configurado poderá ser ruim. Em nossos testes, a pré-configuração de fábrica removeu corretamente o ruído de dezenas de LPs que convertemos em CDs. Sugerimos que você a use. Só mexa nos ajustes se realmente o arquivo Wav que você gravou estiver com um nível muito alto de ruído, não se esquecendo de usar sempre a função Preview para ouvir se a sua configuração não está piorando o som em vez de melhorá-lo. Ao encontrar o "ponto certo", aplique o filtro e salve o seu arquivo Wav.